Cirurgia de fimose pode curar a ejaculação precoce?

A ejaculação é precoce quando ocorre logo após a penetração ou até mesmo antes, sem que o paciente tenha o devido controle sobre esse evento. Os homens que sofrem com o problema vão menos preparados para uma relação sexual e acabam ejaculando antes do momento adequado. A ansiedade é sempre associada ao problema.

Uma das causas da ejaculação precoce (EP) é a sensibilidade aumentada no pênis. Como o prepúcio (pele que recobre a cabeça do pênis) tem alta sensibilidade, existe uma teoria de que a remoção dessa pele através de uma cirurgia (circuncisão) poderia tratar a EP, já que diminuiria a sensibilidade da glande.

Sendo assim, não podemos considerar a cirurgia de fimose ou circuncisão como um tratamento para a EP. Mas, se você sofre com o problema, não se preocupe. Procure um urologista para saber como lidar com a situação e ter orientações comportamentais especificamente voltadas para relações sexuais. Lembre-se também de nunca ir para uma relação sem uma “estratégia”. Caso contrário, a tendência é que a ejaculação ocorra antes da hora.

Atualmente, existem medicações para tratar o problema, pertencentes a uma classe dos antidepressivos que diminuem a libido do paciente, ou seja, a vontade de transar, postergando assim o momento da ejaculação.