Pular para o conteúdo

11 3262-5564 | 11 99267-7369
dr.danilogalante@icloud.com

Conheça os efeitos da quimioterapia na fertilidade

A quimioterapia é um tratamento bastante usado no tratamento de tumores de vários órgãos. Os efeitos adversos dependem de qual medicação é usada, mas alguns deles são mais marcantes como a queda de cabelo, náuseas/vômitos e cansaço. Entretanto, pouco se fala da infertilidade que esse tratamento pode levar. 

 

Mulheres – o processo pode diminuir os hormônios que produzem corretamente os óvulos nos ovários. Assim, a paciente pode ter menopausa precoce (idade anterior ao esperado) e interromper seu ciclo de menstruação e ovulação. 

 

Homens – A quimioterapia pode afetar a produção de células testiculares produtoras de espermatozoides. Isso pode ocorrer tanto por alteração das próprias células, quanto com o aumento intenso de radicais livres. Então, isso pode contribuir para que o indivíduo se torne infértil.

 

Existem alguns métodos que possibilitam a chance de realizar fertilização in vitro posteriormente ao tratamento: congelamento de óvulos/embriões/tecido ovariano e supressão ovariana em mulheres e o armazenamento de sêmen com homens. Mas nada disso garante que haja uma gravidez. É uma tentativa que muitas vezes funciona. 

 

O indicado é que a pessoa que vai passar pela quimioterapia se informe com o médico a respeito desses fatores, para que não haja uma infertilidade inesperada. 

 

Na dúvida, consulte sempre um especialista.

Formulário de Contato

Preencha o formulário abaixo para minha equipe entrar em contato!