Ser feliz depende de você!

É como diz aquela famosa canção: “felicidade é só questão de ser”. É o que afirmam muitos especialistas, que alegam que a felicidade depende de como cada pessoa enxerga o mundo ao seu redor. A alegria, dizem, muitas vezes está nas coisas mais simples da vida e muitas pessoas, mesmo passando por momentos de provação, sentem-se realizadas.

Para quem acha que o dinheiro traz felicidade, não é bem por aí. Tal Ben-Shahar, que já foi professor da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, e é considerado “Guru da Felicidade”, aponta que diversos estudos da renomada instituição mostram que existe uma correlação muito baixa entre riqueza e felicidade, exceto em casos de pobreza, em que as necessidades básicas não são atendidas.

A felicidade depende mais do estado de espírito de cada um do que do status do indivíduo perante a sociedade ou de sua conta bancária gorda. Para o especialista, a mesma ‘regra’ se aplica ao sucesso, ou seja, não é o caminho principal para a felicidade.

Um exemplo nítido é o de pessoas que deixaram seus empregos ou carreiras bem sucedidas e promissoras para mudarem de cidade, estado, ou mesmo de país, buscando novos ares para melhorarem seu estado interior e encontrarem sua paz de espírito.

O que para muitos pode ser uma loucura ou irresponsabilidade, para outros significa ter paz, novas energias e alegrias. O que importa, no fim das contas, é que a felicidade cresça dentro de cada um. Buscar ter atitudes e ações boas que vão de encontro aos seus anseios é vital. Afinal, a vida é uma só, não é verdade?

Simplificar, ser grato e priorizar as relações são algumas dicas do Tal Bem-Shahar para encontrar o caminho da felicidade. Ah, e nada de se preocupar com os padrões impostos pela sociedade. Fazer o bem para si mesmo, sem prejudicar ninguém. É isso que conta. Seja muito feliz!

Estresse: Confira dicas para evitá-lo

“Você anda muito estressado!”. Quem nunca ouviu essa frase? A correria diária tem levado todos ao limite, e a tal “estafa” é mais comum do que se imagina.

Diante disso, é importante ficar atento e tomar algumas atitudes para evitar um conflito no seu círculo social. Confira algumas dicas para fugir da pressão imposta pelos prazos e cobranças do dia a dia. Tentemos deixar um pouco de lado a ansiedade e a preocupação… Relaxe e boa leitura!

1) Respirar fundo

Sem dúvidas, muitos especialistas incentivam técnicas de respiração. É possível controlar o estresse e a ansiedade apenas respirando lentamente e de forma profunda. Anote aí: caso se sinta muito aflito, respire bem fundo. É uma ótima forma de acalmar e colocar os pensamentos em ordem. Existe, inclusive, um site que ensina a respirar melhor. Confira! http://xhalr.com/

2) Desligue-se

O uso de smartphones é cada vez maior. Separe períodos “off-line” na semana, deixando seu celular (e tablet) de lado por umas horas. Isso descansa seu cérebro de “urgências” desnecessárias. Reserve um momento de qualidade para você e sua família.

Indicamos um site bacana que te ajudará a relaxar (The Quiet Place), proporcionando alguns minutos de sossego. Acesse e siga os passos

3) Outra perspectiva

Acredita na frase “quem está de fora enxerga melhor”? Se um evento te incomoda, tente analisar todos os lados, todas as possíveis formas de enxerga-lo. Desacelere e reflita.

Atividade física: comece a praticar agora!

Você pratica exercício físico?  A correria do dia a dia não conta como um!

 

Já é sabido que a prática regular da atividade física melhora consideravelmente a qualidade de vida, trazendo inúmeros benefícios como:

 

– Prevenção de doenças como osteoporose, diabetes tipo 2, colesterol aumentado e hipertensão;

 

–  Melhora do funcionamento cardíaco, reduzindo o risco de angina, infarto, arritmias e insuficiências cardíacas;

 

–  Liberação de substâncias neurotransmissoras, como a dopamina e a serotonina, responsáveis pela sensação de prazer e felicidade, que melhoram autoestima, humor e a sensação de bem-estar;

 

– Melhora da qualidade do sono e, consequentemente, da disposição;

 

– Melhora da capacidade pulmonar;

 

– Melhora da postura

 

Se você deseja começar a se movimentar, é primordial fazer um “check up” das suas condições cardíacas e respiratórias, avaliando seu nível de condicionamento físico. A partir daí, procure orientação médica juntamente com um profissional da área de Educação Física.

Você tem dormido bem?

Com certeza você já ouviu falar que qualidade de sono e saúde andam de “braços dados.” Mas você sabe por quê?

 

Durante o sono, nosso organismo realiza funções importantíssimas com consequências diretas à saúde. O sono fortalece o sistema imunológico, libera a secreção de hormônios — como o do crescimento e a insulina — consolida a memória, deixa a pele mais bonita e saudável, além de relaxar (e descansar) a musculatura.

A qualidade do sono é ainda mais importante que a quantidade de horas dormidas. Se você consegue ter um sono tranquilo e reparador, poucas horas são suficientes. Para saber se a quantidade de horas que você dorme é suficiente, basta notar se você acorda disposto e com energia. Se acordar cansado, significa que precisa dormir mais e melhor.

 

A média de horas de sono da população brasileira hoje em dia é de apenas 6h e 30 min. Na maioria dos casos, esse número é considerado insuficiente.

 

Dicas para Dormir Melhor

 

  • Pratique exercícios físicos regularmente, de preferência no final da tarde.
  • Invista em um colchão de qualidade e use travesseiros adequados.
  • Durma em um local confortável, fresco, escuro e silencioso. As alterações de ruído, de luz e de temperatura podem atrapalhar o sono.
  • Faça uma refeição leve antes de dormir. Deixar o estômago vazio atrapalha o sono.
  • Controle a quantidade de líquidos durante a noite, pois a necessidade de urinar irá interromper a sequência do seu sono.
  • Tome um banho quentinho antes de dormir. Use óleos relaxantes e cremes. Eles proporcionam sensação de bem-estar.
  • Procure dormir e acordar sempre no mesmo horário, inclusive aos finais de semana.
  • Relaxe sua mente. Livre-se dos pensamentos, preocupações e da ansiedade.
  • Evite álcool a noite. As substâncias da bebida podem afrouxar a estrutura da região da faringe, comprometendo a respiração. Isso causa ronco e apneia.
  • Não abuse de substâncias estimulantes: chá, café, refrigerante e chocolate. Eles podem prejudicar o sono.
  • Evite ingerir tranquilizantes, relaxantes musculares e soníferos, pois eles criam hábitos de sono indesejáveis.
  • Vá para a cama somente quando estiver com sono. Levante caso não consiga dormir logo. E retome atividades relaxantes, em ambientes com pouca luminosidade, até ter sono novamente. Controlar as horas no relógio ao se deitar aumentará sua ansiedade, piorando a qualidade do seu sono.
  • Medite. A meditação é uma técnica eficaz para reduzir a tensão, aumentar a criatividade e trazer profunda sensação de bem estar. Meditar ajuda, de fato, a aprofundar o descanso. Quinze minutos por dia é o suficiente para obter resultados.
  • Evite a luz azul (computadores, TV, celular), pelo menos uma hora antes de dormir. Ela é prejudicial ao sono.

 

 

Por que devemos beber água com frequência?

Ingerir água com frequência e na quantidade adequada é uma forma simples e barata de manter a saúde e a boa forma.

Por que devemos beber água com frequência?

1 – Precisamos ingerir cerca de 2 litros de diariamente, pois mais de 70% do nosso corpo é composto por água e, se sentimos sede, é porque nosso corpo já está ficando desidratado. A desidratação crônica pode levar ao envelhecimento precoce e pode até mesmo propiciar o aparecimento de algumas doenças, como alergias, asma, colite, constipação, enxaqueca, artrite reumatoide, entre outras.

2 – A ingestão adequada de água pode auxiliar na perda de peso, pois ajuda a dar sensação de saciedade e, quando urinamos, o corpo se livra de toxinas, acelerando o metabolismo e a queima das gordurinhas indesejadas.

3 –   A água ajuda também a reduzir o cansaço, pois quando chega o fim do dia, nosso corpo está desidratado e precisa de água para ter mais energia. Ao ingerir café, que é diurético, pioramos a desidratação e, consequentemente, o cansaço.

Uma boa dica para ingerir a quantidade adequada de água diariamente é manter uma garrafinha cheia ao lado e ir esvaziando e repondo.

Além disso, é bom lembrar que frutas frescas e vegetais podem ser tão boas fontes de hidratação quanto um copo de água. Morangos e melancias, por exemplo, são compostos de 92% de água, enquanto melões, abacaxis, pêssegos e laranjas chegam perto dessa quantidade. Pepino e alface americana contêm 96% de água, assim como repolho, tomate e abobrinha também são ricos no líquido.

Agora é só colocar em prática as dicas para manter-se bem hidratado na estação mais quente do ano!