Saiba o que são as glândulas de Tyson, bolinhas que aparecem na cabeça do pênis

Muitos pacientes se assustam ao reparar a existência de bolinhas, similares a pequenos espinhos, em volta da base da glande. A seguir, entenda o que são as glândulas de Tyson.

 

Ao contrário do que pode parecer, tais estruturas não são fruto da falta de higiene, de infecções ou de doenças sexualmente transmissíveis (DSTs). Estas bolinhas são glândulas responsáveis pela produção de secreção lubrificante, apresentada por homens na hora da penetração, fazendo com que o contato sexual fique mais fácil.

 

 

Segundo estudos, entre 8% a 21% dos homens apresentam tais glândulas expostas. Elas ficam aparentes quando a glande é mostrada, com o prepúcio puxado para baixo (ou retirado, via circuncisão).

 

É importante que a região sempre seja lavada, para evitar o acúmulo de oleosidade (esmegma), secreção pastosa que se acumula entre a glande e o prepúcio.

 

Apesar de não representarem nenhum risco ou característica negativa, as glândulas de Tyson podem ser removidas por questões estéticas, piora da autoestima ou insegurança do paciente. No tratamento, o urologista realiza a cauterização da região, removendo totalmente as estruturas. Após aplicação de anestesia local, o procedimento dura em média dez minutos e não traz maiores danos, exigindo um período médio de recuperação para retorno às atividades sexuais de vinte dias.

 

Na dúvida, consulte sempre um especialista.

 

Clique aqui para saber mais sobre glândulas de Tyson

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *