Perda do desejo sexual no homem: o que pode ser?

A perda de desejo sexual no homem, também conhecida como baixa de libido, pode ter diversos motivos: hormonais, nutricionais ou psicológicos.

1) Fator hormonal

A baixa dos níveis de testosterona é a principal causa dos problema hormonais. Ocorre em decorrência de trauma testicular, varicocele e doenças metabólicas, tais como diabetes, hipertensão, triglicérides, colesterol mal controlado, além de obesidade. Clique aqui e confira uma matéria sobre testosterona aqui no Blog.

2) Motivos psicológicos 

Depressão e ansiedade são os mais graves. No entanto, os mais comuns continuam sendo os problemas entre o casal, stress do trabalho e dúvidas quanto a própria sexualidade. 

3) Doenças orgânicas 

Hipertensão arterial e diabetes são os campeões nesse quesito. Elas levam à dificuldade de vascularização e irrigação do sangue no pênis para concretizar a ereção e impactam também no desejo sexual.

4) Fatores externos 

O consumo de álcool em excesso também pode diminuir a libido e o desempenho sexual, já que influencia diretamente na liberação de hormônios, como a serotonina, progesterona e testosterona, alterando o fluxo sanguíneo peniano.

Um frenquentar causador é o uso de determinados medicamentos: antidepressivos, ansiolíticos e outros de uso psiquiátrico podem causar efeitos colaterais importantes na ereção e libido. 

A perda de libido é considerada uma doença sexual e deve ser avaliada pelo urologista por meio de consulta e exames (físico e laboratoriais). Vale ressaltar que exames de imagem raramente indicam algum diagnóstico.

Existem vários tipos de tratamento para perda de potência e libido. Primeiramente deve-se estabelecer um diagnóstico e se ele é orgânico ou psicológico. A partir disso o tratamento é indicado.