Quais são as principais doenças da próstata?

A próstata é um órgão da pelve masculina, localizado na região perineal, acima do reto e com íntimo contato com uretra e bexiga. Responsável por produzir elementos do esperma, ela pode sofrer com diversas doenças, que descreveremos abaixo:

– Câncer de Próstata: segundo tipo de câncer mais comum entre homens no mundo, resulta da interação de fatores hormonais, genéticos, ambientais e alimentares. Diagnóstico precoce aumenta muito a chance de cura.

– Hiperplasia Prostática Benigna: é caracterizada pelo crescimento nodular da próstata por ação da testosterona. Ocorre compressão da uretra com dificuldade na passagem da urina, acarretando piora na qualidade de vida do paciente.

– Prostatite: causado por bactérias, ocasiona dores e dificuldades na micção para o homem.

Visando à detecção e ao tratamento de doenças na próstata, é importante que o indivíduo mantenha seus exames em dia, incluindo check up anual, que deve ser realizado anualmente a partir dos 50 anos na população em geral.

Para mais informações, consulte um especialista.

Nível de PSA aumentado indica câncer de próstata?

Conhecido como PSA, o antígeno prostático específico é uma proteína produzida exclusivamente na próstata. Aumentos do PSA ocorrem por alterações da próstata. Mas nem sempre o PSA alterado representa existência de câncer de próstata.

Cerca de 15% dos homens que tem câncer de próstata apresentam PSA abaixo de 4 ng/ml. Se o nível de PSA está na faixa de 4 ng/ml a 10 ng/ml, 25% dos homens têm a doença. E se o PSA supera 10 ng/ml, a probabilidade de ter câncer é maior que 50%. Essa chance é ainda maior se o paciente tiver idade abaixo dos 55 anos.

Há de se considerar que o nível de PSA pode estar alto por outras razões: aumento de tamanho da próstata (chamado hiperplasia prostática benigna), envelhecimento normal do homem, além de infecção ou inflamação na região da próstata.

Assim, para manter sua saúde em dia, é importante a realização do exame de toque retal além do exame de PSA regularmente a partir dos 50 anos de idade na população em geral. E a partir dos 40 anos nos grupos de maior risco (obesos ou negros ou com familiar com câncer de próstata

Na dúvida, consulte sempre um especialista.